A Rainbow of Colours (PT/EN)

É assim a nossa presença, um arco íris de cores, da mais fria à mais quente.

Ouve-se falar tanto da dualidade, de triste a feliz, de verdadeiro a mentiroso, de preguiçoso a hiperativo, de concentrado a destrambelhado, de pálido a moreno e verdade seja dita que a aceitação de que aqui, limitado por esta pele, se vive tudo isto, não é tarefa leve.

O perceber que por vezes nos sentamos no banco da vítima e noutras no papel do agressor, que muitas vezes somos compassivos e outras vezes de uma intransigência atroz, de que tanto vestimos as cores frias do inverno como as cores quentes do sol tropical. E sentirmos-nos em paz, por aos poucos e com o tempo percebermos que somos disto tudo um pouco. Que não é porque às vezes somos agrestes, que não podemos perceber e ver em nós onde por vezes também somos imensamente bondosos.

O Arco Íris tem isto, as várias cores do espectro em toda a sua amplitude e frequência hertziana. A dificuldade é a aceitação, a paz quando se sabe que na superfície que reflete a nossa flexibilidade e fluidez existem as cores do controlo e inflexibilidade.

#Aceitação #Paz


 

This is how our presence is, a rainbow of colors that range from the coldest to the warmest.

One hears so much about duality, from sad to happy, from true to liar, from lazy to hyperactive, from concentrated to unruly, from pale to dark, and truth has to be said that the acceptance that we live all of this in the limits of our skin, is not a light task.

To realize that we sometimes sit on the victim’s bench and on other times  we stand in the role of the aggressor, that we are often compassionate and other times express an atrocious intransigence, that we wearboth the cold colors of winter and the warm colors of the tropical sun. And to feel at peace, brought little by little and with time to us, as we realize that we are all of this. That even if  sometimes we are harsh,  we can perceive and see in ourselves where we are also immensely kind.

A Rainbow has this, the various colors of the spectrum in all of their’s amplitude and hertzian frequency. The difficulty is acceptance, feeling at peace knowing that in the surface that reflects our flexibility and fluidity there are also the colors of control and inflexibility.

#Acceptance #Peace

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s