Tips to ruin a beautiful relationship

Decidi pôr aqui as mãos na obra e olhar para a beleza com que conseguimos rapidamente arruinar uma boa de uma relação.

Acho que vou fazer isto devagar, porque isto é mel a correr nas nossas veias quentes.

A primeira dica é muito simples, quando encontras a tua cara metade (borboletas na barriga, palpitações cardíacas, estados anaeróbios recorrentes,…) essa vai passar a ser a pessoa responsável pela tua felicidade. Toma nota porque esta dica é fundamental logo no início da relação;)

Assim tudo o que essa pessoa faz (ou não faz), diz (ou não diz) passa a ser determinante para a qualidade do nosso dia, para o tamanho do sorriso na nossa boca e para a velocidade a que este nosso coração palpita.

Assim tu (o outro) passas a ser responsável pela minha felicidade. E se por algum acaso o dia não te corre bem e não estás presente para toda esta salutar conversa que por aqui vai, começo a estranhar. Se calhar já não me consegues fazer feliz, se calhar já não é aqui que queres estar. E a coisa ganha tensão, acidifica.

Quando voltas a estar presente, está aqui aquela tensão, aquele ácido. Fim da primeira dica.

(To be continued)

Publicado por Joana Mourisco

Nasci no Porto em 1978 e a minha formação académica é de engenharia. Desde que me lembro que questiono quem sou e se realmente me conheço. E é desta forma que vivo os dias, à procura de me conhecer um pouco mais.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: